Home|Política de Resp. Socioambiental (PRSA)

 

Política de Resp. Socioambiental (PRSA)

 

Objetivos da PRSA

Assegurar a atuação sustentável do Banco Clássico S.A., a partir da integração das dimensões social e ambiental na sua estratégia, garantindo a incorporação dos princípios e diretrizes desta política nos negócios, processos e relacionamentos com as partes interessadas.

 

Princípios

  • Ética, Conformidade e Combate à Corrupção: Atuação de forma ética, com respeito aos direitos humanos universais e às leis do país onde o Banco Clássico S.A. atua, e intolerância a qualquer tipo de atitude ilícita nas suas operações e relacionamento;
  • Gestão Participativa: Engajamento e diálogo contínuo com as partes interessadas no desenvolvimento, implementação e monitoramento de política, práticas e negócios;
  • Promoção do Desenvolvimento Sustentável: Atuação colaborativa junto a cliente, fornecedores, concorrentes, e demais atores da cadeia de valor, a fim de promover por meio de nossos serviços e relacionamento o desenvolvimento capaz de suprir as necessidades da geração atual, sem comprometer a capacidade de atender as necessidades das futuras gerações;
  • Inclusão Social: ​Promoção da cidadania e democratização do acesso a produtos e serviços financeiros, contribuindo para o desenvolvimento da sociedade e de uma economia mais justa e inclusiva;
  • Eficiência Ambiental: Consumo sustentável de recursos naturais e de materiais nos processos internos e nas contratações de bens e serviços.
  • Proteção e Conservação Ambiental: Respeito ao meio ambiente e contribuição para a proteção e conservação dos ecossistemas, dos recursos hídricos e da biodiversidade e desenvolvimento de soluções que promovam uma economia de baixo carbono;
  • Transparência: Divulgação eficaz e precisa de informações financeiras e não-financeiras.

 

Diretrizes

Governança

O Banco Clássico S.A. mantém, aprimora e implementa política e processos, de forma a garantir o (a):

  • Provimento de estrutura de governança e arquitetura organizacional compatível com o porte, a natureza do negócio, a complexidade de atividades, serviços e produtos oferecidos, assegurando coordenação e atuação integrada da PRSA com as demais políticas.
  • Integração da Responsabilidade Socioambiental na governança da Empresa, influenciando o processo de planejamento estratégico, o processo decisório, as práticas de gestão, a avaliação de oportunidade e risco, o relacionamento com as partes interessadas e a definição de metas.
  • Manutenção de estrutura de governança apta a monitorar e avaliar a execução desta PRSA, envolvendo a Diretoria e representantes das áreas.
  • Adoção dos mais altos padrões de governança corporativa, acompanhando os desenvolvimentos globais em melhores práticas de governança, garantindo a conformidade legal do país onde o Banco Clássico S.A. atua e seguindo as diretrizes e compromissos.
  • Colaboração com entidades setoriais e outras instituições, e participação em iniciativas que promovam o desenvolvimento sustentável.

 

Relacionamento e Engajamento com Partes Interessadas

O Banco Clássico S.A. estabelece relacionamentos transparentes, éticos e baseados na confiança, induzindo atuações mais sustentáveis na sua cadeia de valor de forma a garantir o (a):

  • Tratamento de todas as partes interessadas com justiça, respeito, cortesia, igualdade e dignidade, repudiando todas as formas de preconceitos e constrangimentos, com base nos valores estabelecidos nos códigos de ética e de conduta do Banco Clássico S.A.
  • Promoção de iniciativas que valorizem a diversidade propiciando a igualdade de oportunidades.
  • Melhoria contínua na prestação de serviços e na oferta de produtos aos clientes, assegurando que as informações anunciadas sejam corretas, claras e completas, promovendo o uso consciente dos produtos e serviços financeiros.
  • Desenvolvimento das competências necessárias para empregados e demais colaboradores implementarem os princípios e diretrizes desta PRSA, estimulando o comprometimento com as questões socioambientais e a cultura da cooperação.
  • Inclusão de critérios socioambientais nos processos de promoção, avaliação e remuneração, promovendo ações de desenvolvimento, reconhecimento e valorização dos empregados e equipes.
  • Manutenção de mecanismo de alto padrão para consulta e diálogo com os públicos internos e externos, disponibilizando canais adequados e de fácil acesso, organizando processos de consulta no desenvolvimento e revisão dos produtos e serviço, na melhoria dos processos e na criação e revisão de políticas, particularmente no que se refere a esta PRSA.
  • Incentivo à participação voluntária de empregados e aposentados em atividades destinadas a assegurar a cidadania e a proteção ambiental.

 

Gestão de Riscos Socioambientais

O Banco adota modelos de avaliação e gerenciamento do risco socioambiental nos seus processos, produtos, negócios e serviços, de forma a garantir a:

  • Identificação, classificação, avaliação, monitoramento, mitigação e controle do risco socioambiental nas atividades e operações do Banco.
  • Aplicação das diretrizes estabelecidas pelos Princípios do Equador e demais protocolos, pactos e convenções nacionais e internacionais, quando aplicáveis, na gestão de ativos (próprios e de terceiros), nas operações corporativas e nas análises de riscos de clientes e de projetos.
  • Manutenção de registro de dados relativos às perdas efetivas em função de danos socioambientais.
  • Adoção de diretrizes específicas para setores e segmentos sensíveis e a atividades que representarem maior potencial de impacto socioambiental negativo.
  • Avaliação prévia dos potenciais impactos socioambientais negativos de novas modalidades de produtos e serviços, estabelecendo avaliação de riscos e oportunidades no lançamento e reposicionamento de produtos e serviços.

 

Promoção do Desenvolvimento Sustentável

O Banco Clássico S.A. estabelece práticas de gestão e políticas de atuação e relacionamento, de forma a garantir o (a):

  • Aprimoramento contínuo do portfólio de produtos e serviços bancários, visando promover atividades e projetos com adicionalidades socioambientais e oferecer condições diferenciadas de crédito para clientes que apresentam práticas sustentáveis.
  • Desenvolvimento e apoio a boas práticas socioambientais para fortalecimento de setores e segmentos estratégicos com os quais o Banco se relaciona, melhorando a competitividade e minimizando riscos relacionados a questões ambientais e sociais.
  • Incentivo a ações e práticas de sustentabilidade para o desenvolvimento urbano, contribuindo para cidades mais sustentáveis e humanizadas.
  • Desenvolvimento de ações que promovam a educação financeira, apoiando os clientes no seu planejamento financeiro e nas suas decisões de compra e investimento.

 

Gestão de Práticas Administrativas e da Cadeia de Fornecimento

O Banco se compromete com o desenvolvimento e adota medidas e processos que garantam o (a):

  • Conformidade com a legislação social e ambiental aplicável, respeitando os princípios e diretrizes desta política.
  • Promoção de iniciativas de acessibilidade às pessoas com deficiência.
  • Adoção de procedimentos operacionais internos, visando promover a máxima eficiência no uso de recursos naturais e de materiais deles derivados, para minimizar os potenciais impactos ambientais negativos.
  • Incentivos a melhorias contínuas e processos de inovação para redução e mitigação dos impactos socioambientais diretos e indiretos das operações.
  • Adoção de critérios socioambientais nos processos de compras e contratações de serviços, com a inclusão e o monitoramento de cláusulas contratuais relacionadas à ética, à responsabilidade socioambiental, aos direitos humanos e à comprovação de origem e destinação ambientalmente regular dos materiais, em alinhamento à Política de Compras Sustentáveis e Relacionamento com Fornecedores do Banco.
  • Atuação junto aos fornecedores para que a partir de políticas internas do Banco influenciem e engajem suas cadeias produtivas para obtenção de matérias-primas, produtos e serviço, assim como seus modos de operação, segundo padrões mais sustentáveis de produção.

 

Divulgação e Reporte de Informações

O Banco Clássico S.A. aprimora continuamente as práticas e processos de comunicação e prestação de contas, de forma a garantir às partes interessadas o (a):

  • Utilização da comunicação e marketing socioambiental como instrumento para sensibilizar, informar e engajar continuamente as partes interessadas com os princípios e diretrizes desta PRSA.
  • Divulgação interna e externa dos compromissos, ações e resultados no âmbito da PRSA.
  • Reporte e disponibilização de informações econômicas e socioambientais, de forma integrada, clara, pertinente e culturalmente adequada.
  • Garantia da participação das partes interessadas no processo de avaliação e aprimoramento da atuação socioambiental do Banco Clássico S.A.
  • Compromisso com a verdade assegurando a transparência e a clareza da informação relativa a práticas, produtos e serviços.
  • Adoção de instrumentos para monitoramento e reporte internacionalmente reconhecidos e validados por processos de auditoria interna e externa.

 

BASE NORMATIVA

BACEN – Resolução no 4.327/2014.